sábado, 21 de maio de 2016

Raridades por onde passo - POSTAGEM 10.

Na décima postagem deste tema, eu trago ao blog fotos de veículos antigos que estiveram no meu caminho recentemente. Mantendo o cuidado de não divulgar placas dos veículos, editei a imagem para preservar os dados dos proprietários.

Iniciando com um Passat original e digno de placa preta:
Passat original - placa preta.

Repare no vidro lateral, faz parte de um clube. Lindo carro!

Liso de lata! Realmente impecável.




Segue abaixo uma sequência de Fuscas que vai deixar qualquer colecionador com vontade de saber aonde estão tais raridades:
O mecânico deve ser perito em Fusca.

Fusca 1962 Original único dono. Não vende, já perguntei.

Fusca 62 - Motor 1200

O tempo está judiando desta relíquia.

Raridade 1962 fica exposto ao tempo.

Na cidade de Ubatuba-SP tem este aqui.

Muito bacana.

Raridade em Ubatuba-SP.

No supermercado, o fusquinha aguarda as compras.

Rico em detalhes originais de fábrica.

Velho guerreiro.

Este modelo saiu nos anos 67,68,69 e na primeira série de 1970.

Fusca 72 original.

Fusca 72 original, pedi para entrar e tirar uma foto, o dono também não vende, nunca!

Agora o momento GM CHEVROLET com direito à 6 cilindros! Interessante que todos estavam a venda, com exceção do ultimo modelo de 4 portas:
Opala 4 cilindros a venda.

Caravan 6 cilindros, também estava a venda.




Estava indo comprar umas ferramentas quando fui surpreendido por algumas "mercadorias" que encantam os amantes de carros antigos, vejam só o que estava dentro da loja:



Caminhão International L130

International L130 restaurado.

Lateral, acima do para-lama esquerdo.
 Detalhe: o proprietário é restaurador, e vende... Mas não tenho capital para isso, snif...




Continuando, finalizo com a imagem de um carro que eu considero um dos mais luxuosos da época: Ford Galaxie.
Ford Galaxie lindo, desfilando no interior.
Postagem 10 de "Raridades de onde passo" ficou 10... Modéstia a parte.
Continuarei a registrar imagens de raridades assim, e cada dia que passa diminui a frequência. Sem conhecer alguns proprietários, gostaria de deixar aqui o quanto admiro tais modelos. "Ah, se eu tivesse dinheiro..."



Nenhum comentário:

Postar um comentário