quarta-feira, 27 de julho de 2011

Será que a inveja existe mesmo? Em quem confiar?

Vários livros e filmes retratam histórias de pessoas que possuem o sentimento da inveja.
Não é de se espantar que existam pessoas no nosso convívio que alimentam  tal lástima perversa dentro de si. Mas o que realmente significa ser invejoso ou ter inveja?
A resposta é muito simples e clara. Todas as vezes que alguém se sentir mal com a felicidade ou sucesso do próximo,  estará exercendo a inveja.

Ela existe e faz mal. Um mal muito maior para quem o pratica com ou sem intenção. O invejoso não se dispõe para ser assim, ele simplesmente cresce e conforme vai vivenciando situações que despertam tal sentimento cria-se um monstro dentro de si mesmo. Ninguém consegue se livrar desse monstro com suas próprias forças de vontade, é preciso algo muito maior para que ocorra a libertação deste triste e horrível sentimento de invídia.

Ainda faz pouco tempo que encontrei um colega de trabalho e quando o mesmo me relatou sobre seus investimentos na área que ele segue como profissão, fiquei muito contente, ainda mais com o ânimo que me passava, e logo eu lhe disse palavras de incentivo e entusiasmo. Depois disto também fiquei animado e pensando comigo mesmo: “Temos que dedicar mesmo para melhorarmos nossas condições, sempre.” Encerramos a conversa e pelo seu tom de voz, percebi que ele havia notado minha felicidade por ele.

Diferentemente, estava eu outro dia na companhia de outras pessoas bem diferentes. Não tínhamos nenhuma ligação profissional, apenas conhecíamos uns aos outros. Durante o diálogo entre perguntas e curiosidades, surgiu certo assunto, ou melhor, dois novos assuntos, coisas que eu entendia que não era necessário ficar comentando, então só tive que relatar sobre eles porque houve quem questionou. Fui o mais breve e simples possível, dizendo em poucas palavras o que havia me acontecido, que por sinal era ótimo pra mim apenas. Esta pessoa abriu os olhos e quando eu acabei de falar, já difundiu mais perguntas. Respondi com educação, e em poucas palavras novamente, nisto o semblante da pessoa mudou, como se eu estivesse lhe dando péssimas notícias dela mesma. Notei que ela sentiu indisposição por causa da minha felicidade.

Isso caracterizou para mim, uma pessoa invejosa o que é bem diferente de alguém que tem ambição. Ser ambicioso é ter anseio e vontade por algo melhor, e vendo no lado bom deste sentido, o ambicioso quer melhores condições de vida e não se contenta com o básico. Neste significado a ambição propulsiona a pessoa a não ser acomodado. Já a inveja não tem nem como analisar o lado bom. Ainda mais quando a própria pessoa nota isso nos olhos de outras. Saber que uma pessoa é invejosa, é triste. Pior ainda é quando você enxerga a inveja no semblante dela.

Minha dica neste contexto seria: Tenha bastante cuidado, sobre o que você conversa com as pessoas. Elas não precisam saber seus planos e projetos, muito menos sobre os que já estão em andamento.
Meu amigo leitor, não que você precise excluir do seu grupo social tais pessoas que tem inveja, apenas evite que elas mesmas saibam sobre seu sucesso. Se ela souber que você está avançando barreiras desta vida através de seus gestos, trabalho, dedicação e esforço, tudo bem,  o que se deve evitar é você mesmo dar ouvidos às curiosidades delas. Saiba que nem sempre é possível detectar um invejoso, mas fique atento, quando estiver perto de pessoas que muito se atenta com teus afazeres, será exatamente aí que você deverá estar alerta.

Mas espere, existe uma pessoa especial a quem você pode confiar suas ideias, planos e projetos, sejam eles familiar ou profissional. Esta pessoa se preocupa com você, e conhece o mais profundo desejo do seu coração. Existem pessoas ao nosso lado que são assim, nossa mãe, nosso pai, o marido, a mulher, nossos irmãos, e os verdadeiros amigos.
Mas esse alguém, mais que especial, que me refiro, cuida de você, da sua família, da sua saúde, sabe até o seu pensamento. Esse alguém especial chama-se Jesus Cristo, e está sempre presente conosco em todos os dias de nossa existência. Basta crer que Ele existe e é o que recompensa a todos os que o buscam.
Para ele, você pode contar suas metas, suas ideias, seus sonhos... A única coisa que Ele vai fazer é te dar força para vencer e conseguir conquistar tudo. Bem diferente do “amigo” que não fica feliz com sua vitória.
O Senhor Jesus, alegra juntamente com você, torce intensamente por você, e entrega a vitória pra você!
Creia nisto, e quando fores o vencedor nestes sonhos e projetos, deixe Ele participar das suas conquistas também. Ele sim; merece participar conosco de tudo. Ele sim; deseja participar de tudo que acontece na sua vida.
Nele, você pode confiar!

5 comentários:

  1. Amém! E outra coisa, muitas pessoas vêem Jesus, como apenas um homem religioso, ou um revolucionário. Ele nos deu um grande exemplo de vida: O de como agir e se comportar neste mundo, em todos os aspectos. Ele é o Mestre dos mestres, o maior homem que pisou nesta terra. E como Deus, nos amou primeiro; prova de tudo isso, a rude cruz. Abraços irmão.

    Geraldo Filho - Uberaba/MG

    ResponderExcluir
  2. Jefferson, a inveja ocorre porque a pessoa poderá querer mais do que aquilo que ela pode conseguir com sua capacidade e seus próprios esforços., então, ela percorre os seguintes caminhos 1) Bajula a pessoa invejada para ver se ela lhe dá alguma coisa; 2) Se não consegue nada com a pessoa invejada, passa a torcer pela destruição dela em todos os sentidos., normalmente ela vai e volta, sempre com o intuito de renovar seus intentos contra a pessoa invejada., se novamente não consegue, desenvolve uma política anti-pessoa invejada, ou seja, sai por aí difamando e caluniando aquela pessoa que ela gostaria de ser., o problema é que ela encontra um monte de gente proselitista e que normalmente estão dentro do mesmo contexto de cobiça e inveja., a verdade é que as pessoas que lutam neste mundo, devem sempre se preparar para enfrentar esses males existenciais., normalmente, esse tipo de pessoa não muda., passa uma vida inteira amarrada nessas duas deficiências do caráter humano., as pessoas que sabem o que é lutar/batalhar para alcançar; com estudo, trabalho e muita perseverança, deve se afastar para não amargar descontentamento sobre descontentamento., pois pessoas invejosas e cobiçosas, normalmente são aproveitadoras, sugadoras de todas as nossas forças, talentos, sentimentos, paz, alegria, intelectualidade, espiritualidade, amor próprio, privacidade, riquezas da alma, e se brincar, até da nossa fé em Deus., o grande mal que assola a vida dos que cobiçam e invejam os outros, é o próprio livre arbítrio que possuem., por isso, dificilmente elas irão admitir que detestam o progresso dos outros., e assim, fica pior para quem é invejado, por não saber se está tratando com um amigo, ou com um inimigo., triste isso!
    Gil Nunes, São Paulo, SP

    ResponderExcluir
  3. Jefferson, como diz em um para-brisa de um carro dos meus vizinhos:
    A inveja é uma merda!
    Eu não aguento olhar para a cara deles, sinto que pessoas ficam insatisfeitas com o meu sucesso e com meus projetos. As vezes prefiro isolar este tipo de gente.
    Josiene - Patrocínio-MG

    ResponderExcluir
  4. Realmente existe a inveja, mas devemos acreditar que Deus é realmente muito maior. Com Ele, tudo fica sob controle.

    ResponderExcluir
  5. Eu tenho uma tia que morre de inveja de mim. Um dia ela soube que eu fiz uma viagem e no outro dia ela adoeceu, ficou de cama quase um mês e até hj ñ quis ver as fotos da minha viagem. E sempre faz o impossivel para comprar as mesmas coisas que eu tenho. É horrível ser vítima de inveja.

    ResponderExcluir